Casal suspeito de estelionato contra moradores e romeiros de Trindade é preso no MS

Um casal de idosos suspeito de praticar crimes de estelionato contra ao menos 20 vítimas, entre moradores e romeiros da cidade de Trindade, na região metropolitana de Goiânia, foi preso preso preventivamente na manhã de desta quarta-feira (16), na cidade de Campo Grande (MS) , durante operação coordenada pela 1ª Delegacia de Trindade, com apoio da Polícia Civil daquele estado. Além dos dois mandados de prisão preventiva, a PCGO cumpriu quatro mandados de busca e apreensão, nas cidades sul-mato-grossenses de Aquidauana, Chapadão do Sul e na capital.

De acordo com as investigações, o casal chegou à cidade goiana e relatou às vítimas que havia acabado de vender uma fazenda no município de Rio Verde (GO), por R$ 30 milhões, mas que receberia o pagamento em data futura programada. Com o falso discurso de que receberia pagamento futuro, o casal adquiriu e registrou em cartório imóveis e pousadas, cujas vagas foram alugadas para romeiros. Com as escrituras em mãos, os investigados revenderam os imóveis, avaliados em R$ 400 mil a R$ 2 milhões, a terceiros, que chegaram a transferir valores e veículos aos falsários. Os romeiros que chegaram à cidade ficaram sem a estadia. O prejuízo estimado é de R$ 500 mil.