Polícia Civil de Jaraguá prende procurado por tentativa de feminicídio em Goianésia

No final da tarde de segunda-feira 19/02, os policiais civis lotados na Delegacia de Jaraguá, cumpriram mandado de prisão preventiva do judiciário que se encontrava em aberto.

No dia 04 janeiro 2024, em Goianésia, uma mulher de 45 anos, decidida romper seu relacionamento com seu companheiro de 49 anos, disse para ele que iria embora, o mesmo ficou agressivo e foi até o quarto da residência do casal, pegou uma arma de fogo que estava escondida e disse a ela: ” estão vai” e fez um disparo contra a mesma, atingindo o braço direito da vítima, que mesmo ferida conseguiu fugir do agressor, e pedir socorro, momento em que o autor evadiu do local.

Após o registro da ocorrência a Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (DEAM) de Goianésia, constatou-se que o autor da tentativa de feminicídio havia fugido, estando em local incerto e não sabido. Diante disso foi protocolado uma representação perante o judiciário solicitando a prisão preventiva do mesmo, que foi prontamente deferida pela justiça.

Após algumas investigações e diligências pelo cartório de capturas da 15ª DRP foi verificado que o procurado estaria se escondendo na cidade de Jaraguá, sendo assim, foi repassado as informações colhidas até o momento para a Delegacia de Jaraguá, que realizou uma série de diligências conseguindo obter êxito em localizar e prender o autor da tentativa de feminicídio.

O preso foi deixado na responsabilidade da agência prisional de Uruana, onde ficará à disposição do Poder Judiciário.

Jornal Populacional