Operação da PF mira investigados por desvio de recursos da Saúde

Uma operação da Polícia Federal (PF) mira investigados por desvio de recursos públicos da área da Saúde de Porangatu. Nesta quarta-feira (27), na 2ª fase da Operação Laboratórios Premiados, são cumpridos 4 mandados de busca e apreensão na referida cidade e em Goiânia.

Em março de 2023, a PF e a Controladoria Geral da União (CGU) deflagraram a 1ª fase da Operação. O inquérito policial investigava contratações irregulares realizadas pela Prefeitura de Porangatu com supostos direcionamentos a clínicas de exames laboratoriais e de imagem do município.

À época, documentos e objetos apreendidos corroboraram com a investigação. Além disso, o material evidenciou a participação de integrantes da família da prefeita Vanuza Valadares (UB) na gestão da administração municipal, mesmo sem os familiares ocuparem um cargo formal na Prefeitura, o que gerou fortes indícios de prática de corrupção por parte de um deles.

Segundo a PF, os mandados cumpridos nesta quarta-feira (27) têm por objetivo coletar mais elementos de informação e provas, a fim de esclarecer os vínculos entre a chefe do Executivo e seus familiares com os empresários proprietários de clínicas e laboratórios que prestavam serviço no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS).

Mais Goiás