PCGO e PCDF prendem envolvidos em golpes via aplicativo de mensagens

Nesta quarta-feira (21), as Polícias Civis do Distrito Federal e do Estado de Goiás deflagraram a Operação Miragem, visando desarticular uma associação criminosa oriunda de Goiânia e dedicada à prática de estelionatos, via aplicativo de mensagens. As investigações começaram em setembro do ano passado, quando dez moradores do DF foram vítimas dos autores que entraram em contato, por um aplicativo de mensagem, com a foto de familiares, simulando uma suposta mudança de número para, logo em seguida, solicitarem transferências bancárias.

As vítimas tiveram prejuízo de cerca de R$ 10 mil, contudo, os autores movimentavam cerca de R$ 100. mil por mês, praticando golpes contra vítimas de diversos estados da federação, dentre eles Rio de Janeiro, Minas Gerais, Goiás e Pernambuco.

Concluída as investigações, foram identificados seis integrantes do grupo criminoso, que foram indiciados pelos dez crimes de estelionato praticados no Distrito Federal, assim como lavagem de dinheiro e associação criminosa, tendo suas prisões preventivas decretadas. A operação de hoje também cumpriu seis mandados de busca e apreensão na Grande Goiânia com apoio operacional da Polícia Civil de Goiás.