Polícia Civil e Polícia Rodoviária Federal prendem investigado com pasta base de cocaína enviada via transportadora

A Polícia Civil de Goiás, por meio da Delegacia Estadual de Repressão a Narcóticos (Denarc), em conjunto com a Polícia Rodoviária Federal (PRF) em Goiás, prendeu em flagrante ontem (31) Vitor Luiz Santos Jesus, em poder de mais de 5 quilogramas de pasta base de cocaína, drogas avaliadas em mais de R$ 600 mil. De acordo com as investigações, ele faz parte de um esquema criminoso que realiza remessas de drogas por meio de transportadoras, escondidas em eletrodomésticos. Após tomarem conhecimento acerca da chegada de uma carga suspeita em Goiânia, as equipes da Denarc e da PRF passaram a monitorar a sede de uma transportadora a fim de identificar quem seriam os responsáveis pela suposta remessa de drogas. Os policiais identificaram o responsável pela coleta da carga na transportadora e fizeram sua abordagem, localizando, dentro de um forno micro-ondas, a carga de drogas. O suspeito tem três passagens por tráfico de drogas e foi autuado em flagrante pelo crime de tráfico interestadual de drogas.

A divulgação da imagem e identificação do preso foi precedida nos termos da Lei nº 13.869, Portaria nº 547/2021- PC, despacho do delegado responsável pela investigação, especialmente porque pode auxiliar na continuidade das investigações.