Caçador é preso pela PRF na BR-153 com cães, arma e cinco tatu galinha abatidos

Um empresário do ramo da construção civil, de 49 anos que não teve o nome divulgado, foi preso pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) na na rodovia BR-153, em Morrinhos.

Os PRFs realizavam fiscalização de combate a embriaguez ao volante quando encontraram em uma picape Fiat Strada cinco animais silvestres abatidos.

Tudo começou quando os agentes abordaram o veículo que transportava dois cães caçadores no compartimento de carga.

Em seguida, os policiais avistaram uma arma de fogo e um saco preto ensanguentado no banco do veículo.

Bastante nervoso e inquieto, o homem não conseguiu explicar o que estava transportando. Após abrir o saco, os agentes encontraram cinco animais silvestres abatidos (Tatu-galinha), em seguida, o homem afirmou que os animais foram capturados em uma área da zona rural em Buriti Alegre.

O caçador, a arma com 27 munições e os tatus abatidos foram encaminhados para a Delegacia Regional de Polícia Civil em Caldas Novas.

Folha de Jaraguá