Traficante pula de sobrado para escapar da polícia, quebra a perna, e é preso pela PCGO

A Polícia Civil do Estado de Goiás, por meio do Grupo de Repressão a Narcóticos (Genarc) e Grupo de Repressão a Crimes Patrimoniais (Gepatri) de Luziânia, deflagrou, no dia 4 de outubro, a Operação Paz, com o intuito de cumprir ordem judicial de busca e apreensão e prisão temporária de suspeito de realizar o tráfico de drogas em uma distribuidora de bebidas de Cidade Ocidental (GO).

De acordo com as investigações, o ponto de venda ilegal era mantido por um traficante de 32 anos de idade e seu funcionário, os quais realizavam a venda de pinos de plástico com cocaína em seu interior. Uma praça situada em frente ao estabelecimento, inclusive, estaria constantemente repleta de usuários, o que causava insegurança à comunidade local.

Durante a operação, foram localizados cerca de 3,5 kg de cocaína a granel, bem como 223 pinos prontos para a venda, além de insumos, arma de fogo, munições e valores em notas diversas. No momento de cumprimento das medidas, o proprietário da distribuidora tentou empreender fuga e se lançou de um sobrado em construção, mas foi encontrado no lote ao lado, com a perna quebrada. Ele foi preso não somente pelo cumprimento ao mandado de prisão temporária, mas também em flagrante por tráfico. O funcionário também foi autuado.