Operação do MP prende mais de 50 por furto de agências e tráfico

O Ministério Público de Goiás (MPGO) deflagrou, nesta quarta-feira (10), uma operação contra membros de uma facção criminosa que integram a célula denominada ‘Sintonia do Estado de Goiás’. De acordo com a instituição, 56 pessoas foram presas até o momento. No entanto, o objetivo é o cumprimento de 70 mandados de prisão e 38 de busca e apreensão.

A instituição informou ter identificado dezenas de membros ‘batizados’ na facção, “com atuação em diversas cidades goianas e histórico de envolvimento em crimes graves, como tráfico de drogas, roubos, furtos (inclusive de agência bancária com uso de material explosivo), homicídios, entre outros.”

Os municípios onde são cumpridos os mandados de prisão e busca e apreensão são os seguintes: Goiânia, Aparecida de Goiânia, Guapó, Catalão, Três Ranchos, Itumbiara, Panamá, Morrinhos, Caldas Novas, Jataí, Mineiros, Planaltina de Goiás, Formosa, Novo Gama, Uruaçu, Mara Rosa, Rio Verde, Santa Helena de Goiás, Quirinópolis, Edeia e Jaraguá.

Conforme o MPGO, a operação é articulada nacionalmente com o objetivo de desarticular organizações criminosas violentas que atuam nas ruas e nos sistemas prisionais, ocorrendo também em outros 12 estados.

Em Goiás, a investigação teve origem a partir de provas compartilhadas pelo Ministério Público de São Paulo. As polícias Civil, Militar e Penal dão apoio às diligências – Via O Popular

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui