Em Corumbá de Goiás homem é preso suspeito de estuprar filha durante um ano

Um pedreiro de 42 anos foi preso suspeito de estuprar a própria filha, de 16 anos, em Corumbá de Goiás. De acordo com a delegada Aline Lopes, para cometer o crime, o homem ameaçava bater na filha quando a esposa saía para trabalhar.

“Quando a mãe avisou que viajaria e que deixaria a menina com o pai, ela ficou desesperada, pedindo para a mãe não ir, e criou coragem para contar dos abusos, que segundo ela, aconteciam há um ano”, detalhou a delegada.

A prisão aconteceu na terça-feira, 17, e segundo a delegada, a denúncia foi feita pela mãe da adolescente, que contou que a filha teve uma mudança severa no comportamento e tinha chegado a se cortar. De acordo com a polícia, durante o interrogatório formal, o suspeito permaneceu em silêncio.

Pai é preso suspeito de estuprar a própria filha, em Corumbá de Goiás — Foto: Divulgação/Polícia Civil

Durante a abordagem, o suspeito apresentou diferentes versões para se justificar, conforme divulgado pela delegada.

“Inicialmente, ele apresentou versões contraditórias para tentar explicar os elementos colhidos durante investigação, como a presença de esperma nas roupas da vítima”, disse a delegada.

Após o cumprimento do mandado de prisão preventiva, o suspeito foi encaminhado à Unidade Prisional de Corumbá. A delegada explicou que o homem vai responder pelo crime de estupro qualificado, com pena de até 14 anos de prisão.

Meganésia

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui