MP-GO destaca total legalidade na nomeação de Ana Caroline Godinho à frente da pasta de Assistência e Promoção Social

O MP arquivou o procedimento extrajudicial, a respeito da nomeação de Ana Caroline Rosa Godinho para a secretaria de Assistência e Promoção Social

O Ministério Público do Estado de Goiás, arquivou o procedimento extrajudicial, a respeito da nomeação de Ana Caroline Rosa Godinho para a secretaria de Assistência e Promoção Social.

De acordo com a decisão do promotor de justiça da Comarca de Barro Alto, Tommaso Leonardi, não existe qualquer ilegalidade na questão. Vale ressaltar que é de conhecimento público que os secretários municipais são agentes políticos, portanto, os cargos que compõe a estrutura do Poder Executivo são de livre nomeação.

Por fim, fica nítida a total transparência que a atual gestão, mais uma vez, deixa clara, perante a sociedade barroaltense. Além das justificativas acima, é fundamental frisar que a Secretária Ana Caroline Godinho possui total capacidade técnica para exercer o cargo, tendo em vista que é farmacêutica de formação e vem realizando um exímio trabalho à frente da secretaria.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui