home Capa PF investiga desvio de R$ 32 mi em projeto do Minha Casa Minha Vida

PF investiga desvio de R$ 32 mi em projeto do Minha Casa Minha Vida

Filhos do senador Romero Jucá (PMDB-RR) estariam entre os alvos da operação. Investigados responderão por peculato, desvio e lavagem de dinheiro

A Polícia Federal em Roraima deflagrou na manhã desta quinta-feira (28/9) a Operação Anel de Giges, para coibir ação de uma organização criminosa acusada de pecuato, lavagem de dinheiro e desvios de verbas públicas. Segundo informação do jornal Estado de S. Paulo, filhos do senador Romero Jucá (PMDB-RR) são alvos da operação.

São cumpridos 17 mandados judiciais, sendo nove de busca e apreensão e outo de condução coercitiva em Boa Vista (RR), Brasília (DF) e Belo Horizonte (MG).

As investigações apuraram o desvio de R$ 32 milhões dos cofres públicos por meio do superfaturamento na aquisição da “Fazenda Recreio”, em Boa Vista, e na constução da Vila Jardim, do projeto Minha Casa Minha Vida, no bairro Cidade Satélite, também na capital de Roraima.

Os indiciados estão sendo conduzidos para interrogatório na Polícia Federal e sendo indiciados pelos crimes de peculato, lavagem de dinheiro e organização criminosa. As penas previstas são de até 30 anos de reclusão.

O nome da operação foi inspirado na citação existente no Livro II da obra filosófica “A República”, de Platão. O Anel de Giges permite que seu portador fique invisível e cometa ilícitos sem consequências.

Fonte: Jornal Opção

Livre de vírus. www.avast.com.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *