home Capa, Goianésia Loteamento Negrinho Carrilho danifica obras de revitalização do Parque Ecológico

Loteamento Negrinho Carrilho danifica obras de revitalização do Parque Ecológico

O loteamento da Imobiliária Negrinho Carrilho danificou as obras de urbanização do Parque Negrinho Carrilho e a não reparação dos danos podem acarretar em suspensão do repasse de verbas para conclusão da obra.

As obras de urbanização do Parque Ecológico Negrinho Carrilho, localizado na região oeste de Goianésia, correm risco de suspensão dos repasses de verbas federais por negligência e descaso dos responsáveis pelo loteamento Negrinho Carrilho. Após a construção de grande parte do calçamento do Parque Ecológico, a empresa Contato Engenharia, responsável por realizar a infraestrutura do loteamento destruiu a obra iniciada em 2013 através de  convênio com o Ministério do Turismo e não realizou os reparos no local.

A urbanização do Parque Ecológico Negrinho Carrilho é uma obra financiada pela Caixa Econômica Federal, no valor de R$ R$ 1.016.000,00 (um milhão e dezesseis mil reais), através de convênio com o Ministério do Turismo e segue rigorosos pré-requisitos de acompanhamento e medições para que o município receba o repasse da verba. Desde o início de 2016, no entanto, a obra corre risco de ser cancelada devido aos estragos realizados pelo loteamento, que destruiu quase todo o calçamento do Parque para implantação de redes de água, esgoto e postes de energia elétrica.
Conforme dados levantados, a empresa responsável pela obra de Urbanização do Parque Ecológico já havia realizado mais de 40% da obra quando o loteamento iniciou a infraestrutura, danificando e não reparando a obra municipal financiada e fiscalizada pela Caixa Econômica Federal. Caso o loteamento Negrinho Carrilho não realize os reparos de acordo com as exigências do projeto do Ministério do Turismo, o município de Goianésia sofrerá sanções no repasse de verbas do Ministério, impedindo a conclusão da obra.

Da propriedade do loteamento
O loteamento Negrinho Carrilho é de propriedade da IMOBILIÁRIA NEGRINHO CARRILHO, cujo um dos Sócios é Manoel de Castro Arantes, coordenador de campanha e pai do candidato a prefeito de Goianésia pelo PMDB, Renato de Castro.

Recentemente, o candidato e sua coligação prometeram à população o término da obra de Urbanização do Parque Ecológico Negrinho Carrilho, caso vençam as eleições em 2016. Porém, a responsabilidade do cancelamento da obra recai sobre o próprio candidato, pois o loteamento de sua família não realizou os reparos necessários para viabilização das verbas federais para conclusão da obra.

O município de Goianésia realizou inúmeras notificações aos proprietários do loteamento, bem como à empresa Contato Engenharia, para que o projeto do parque não seja cancelado. Porém, até o momento, nenhuma providência sobre a reparação do estrago causado foi tomada. Sendo que o próximo passo será a reparação e a obrigação de fazer via judicial para que as medidas sejam realizadas.

One thought on “Loteamento Negrinho Carrilho danifica obras de revitalização do Parque Ecológico

  1. Moro no negrinho Carrilho e torço para ver isso tudo pronto. . Mas verdade seja dita, essa obra da prefeitura já estava abandonada à muito tempo, largada. Porque não dizem nada sobre a parque que começou a ser construído na época anterior ao governo Jalles, do outro lado da contorno… que simplesmente foi esquecida? Se é pra descer a ripa então fale tudo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *